Editorial: Um basta à discriminação – ND Mais

Está no dicionário o significado da palavra racismo: preconceito, discriminação ou antagonismo por parte de um indivíduo, comunidade ou instituição contra uma pessoa ou pessoas pelo fato de pertencer a um determinado grupo racial ou étnico, tipicamente marginalizado ou uma minoria. O racismo sempre existiu, mas foi com a massificação das redes sociais que as vítimas do preconceito, geralmente pessoas negras, ganharam voz para denunciar esse mal. É um dos principais problemas sociais do mundo, causando exclusão, desigualdade social e violência.
Dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, divulgados na semana passada pelo portal ND+, mostram que Santa Catarina registrou 120 crimes de racismo em 2021. Representa aumento de 17,4% em comparação ao ano anterior, quando foram computados 101 casos.
A discriminação e o preconceito contra negros, infelizmente, ainda estão presentes no esporte, na política, no comércio, na educação e, principalmente, nas redes sociais. Ou seja, está em nosso dia a dia, em forma de expressões de violência (agressões verbais ou físicas) e até em simples olhares.
Para piorar, há ainda o descaso e o desinteresse do poder público em combater com rigor, como deveria, o crime de racismo. Ofendidos, os negros exigem punição, mas os agressores usam a impunidade como escudo. São pessoas de índole e educação rasas. Faltam rigor e determinação tanto dos legisladores quanto dos operadores da lei para dar um basta à impunidade, o que estimula a violência contra os negros, parcela majoritária da população brasileira.
Vozes antirracistas ecoam pelos quatro cantos do mundo, mas ainda há um longo caminho a ser percorrido, este caminho passa pela educação. Até quando continuaremos a ver ou ouvir injúrias raciais nas arquibancadas dos estádios de futebol ou na fila do caixa de um supermercado? Precisamos nos respeitar como pessoas. A cor da pele não nos faz melhores ou piores. Somos todos iguais. E ponto final.
Os números preliminares da segunda edição da Operação Acalento, do Ministério da Justiça e Segurança …
O ditado “Um raio não cai duas vezes no mesmo lugar” é utilizado para tranquilizar alguém de que qua …
Definitivamente, a pandemia da Covid-19 provocou uma transformação no mercado de trabalho. Em dois a …
O preço do litro da gasolina é um dos assuntos mais debatidos e comentados pelos brasileiros nos últ …
A disparada nos preços dos alimentos não está afetando apenas o bolso dos brasileiros, mas também a …
© 2022 Copyright Grupo ND
O Grupo ND utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação e desenvolver iniciativas de marketing e publicidade. Clique em “definições de cookies” para escolher quais tipos de cookies deseja compartilhar conosco. Para aceitá-los, clique em “Aceitar todos os cookies”. Querendo saber mais, acesse nossa central de privacidade.

source

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.