Brasileiro é preso nos EUA por racismo e homofobia – Brazilian Times

Chegou o Classificado do Brazilian Times. Divulgue ou busque produtos e serviços agora mesmo!
Publicado em 17/06/2022 as 8:00am
No domingo, dia 12, o goiano Thiago Mendes Cabral, residente em Boca Raton (Flórida), foi preso…
No domingo, dia 12, o goiano Thiago Mendes Cabral, residente em Boca Raton (Flórida), foi preso pela Interpol. De acordo com as informações, ele teria praticado crimes de racismo e homofobia contra cinco moradores de Quirinópolis, em Goiás. Os ataques começaram a acontecer em 2020, por meio de aplicativos de mensagens.
As informações foram divulgadas pela delegada Camila Simões e uma das vítimas é Nubyano do Nascimento Pereira, Secretário de Esportes de Quirinópolis. “O pedido de prisão preventiva foi apresentado pela Polícia Civil da cidade para garantir a ordem pública, uma vez que o autor seguia praticando crimes de forma reiterada pelas redes sociais”, disse a delegada.
Cinco vítimas registraram ocorrências entre os anos de 2020 e 2021, e as ofensas iam desde xingamentos pessoais a agressões racistas e homofóbicas. Todas as mensagens e áudios foram anexados às investigações.
As autoridades afirmaram que o autor vai responder pelos crimes de injúria, calúnia, difamação, ameaça e injúria qualificada pelo preconceito racial e homofóbico.
Tendo em vista que o caso ganhou notoriedade no Brasil e que uma das vítimas é o próprio Secretário de Esportes de Quirinópolis, Thiago teria, conforme relatado por Simões, zombado da Justiça Brasileira. “Ele acreditava ser inatingível somente pelo fato de residir no exterior, o que ainda servia de motivação para a prática dos crimes”, afirmou a delegada.
Após a prisão, um pedido de extradição foi enviado pelo Poder Judiciário Brasileiro para a Embaixada de Washington. Dessa forma, ainda de acordo com a delegada, o suspeito segue preso nos Estados Unidos, até que haja uma definição sobre a formulação.
Thiago Cabral vivia em Quirinópolis, mas se mudou para os Estados Unidos, onde adquiriu um green card, mas ainda não é um cidadão norte-americano.
DENÚNCIAS
O primeiro caso foi denunciado em dezembro de 2020 quando o suspeito chamou um morador de “macaco” e “chimpanzé”, após a vítima informar que iria registrar uma ocorrência contra ele. “Quem vai me processar? Você? Macaco! Chipanzé!”, disse Thiago em um áudio.
As ofensas teriam iniciado após uma discussão em um grupo do WhatsApp formado por moradores de Quirinópolis, o qual o suspeito faz parte.
Em outra denúncia, feita pelo Superintendente de esportes, Thiago é apontado como autor de ataques homofóbicos. “Eles não tinham nenhum problema pessoal, a vítima contou que nem o conhece pessoalmente. Ele (vítima) postou um vídeo em que ajuda uma criança que estava vendendo sorvete. Depois disso, o autor começou a proferir ofensas homofóbicas”, diz a delegada.
As ofensas em questão foram enviadas para o superintendente por mensagens de voz. Diversas vezes o superintende é chamado de “aberração” por ser homossexual, além de escutar que é “abominado por Deus”.

 
Apoiem os Pequenos negócios. Mantenha a economia girando!
Acesse a rádio Brazilian Times: https://radiobraziliantimes.com/
BRACK LAW– O seu advogado brasileiro nos EUA. Aplicação para visto de estudante. Ajustamento de status para Green Card. Apelação, cancelamento e suspensão de exclusão e deportação. Asilos e cidadanias. Casos criminais. Divórcios. E muito mais. Estamos localizados no 648 Central Street, Lowell (MA). Tel: 978-453-7225
DENTPLANT- Não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje. Cuide de sua saúde bucal! Consulta + exame clínico + raio X $70. Limpeza comum: $120. Estamos localizados em Framingham (508) 872-2624  e Somerville (617) 591-9888.
ESL Academy- Matriculando estudantes domésticos e internacionais. Transfira-se de outras instituições educacionais para a ESL Academy. Mude seu status imigratório para F1. Faça sua aplicação fora do país. Reestabeleça seu status F1. Programas de 1 ano para o inglês como segunda língua. Níveis iniciante, intermediário, avançado e acadêmico. Ligue: (781) 313-8190. Cerca de $4mil por 1 ano, incluíndo livros.

source

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.