Comissão de Educação vai debater o racismo no esporte – Senado Federal

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) terá uma audiência pública para debater o racismo no esporte (REQ 45/2022 – CE). Para a senadora Leila Barros (PDT-DF), a discussão sobre o assunto é urgente e necessária neste momento em que vários casos de racismo acontecem, principalmente nos campos de futebol do Brasil.
Transcrição
O RACISMO NO ESPORTE SERÁ TEMA DE AUDIÊNCIA PÚBLICA NA COMISSÃO DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE DO SENADO. CASOS DE DISCRIMINAÇÃO TÊM SIDO FREQUENTES NOS JOGOS DE FUTEBOL SULAMERICANOS QUE CONTAM COM TIMES BRASILEIROS. REPÓRTER RODRIGO RESENDE. A Comissão de Educação terá uma audiência pública para debater os casos de racismo no esporte. Diversas torcidas brasileiras vêm sofrendo insultos em jogos de futebol na América do Sul. E aqui no Brasil, são inúmeros os casos envolvendo injúria contra jogadores, técnicos e árbitros negros. A senadora Leila Barros, do PDT do Distrito Federal, uma das defensoras da audiência, considera urgente a discussão sobre o assunto. Leila –  Esse requerimento inicialmente foi uma excelente proposta do senador Paulo Paim pra que a gente possa realmente discutir o racismo no esporte. A gente tem visto altos índices de racismo, principalmente nas arenas, nos estádios de futebol, mas isso como é estrutural, nós vivemos em todas as arenas e ginásios, em parques aquáticos e está no momento sim da gente fazer esse debate, essa discussão. Serão convidados para a audiência, em data ainda a ser definida, representantes das confederações brasileiras de futebol, vôlei e basquete, do Comitê Olímpico Brasileiro, do Observatório da Discriminação Racial no Futebol, o ex-ministro da Igualdade Racial Elói Ferreira Araújo, a ex-ginasta Daiane dos Santos e o ex-árbitro de futebol Márcio Chagas da Silva. Da Rádio Senado, Rodrigo Resende.
Não é usuário? Cadastre-se.
Notícias 
Boletim.leg 
Notícias 
Notícias 
Notícias 
Todos os Áudios

source

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.