Star Wars e Ewan McGregor defendem atriz afro-americana que entra em "Obi-Wan Kenobi" contra mensagens de racismo – Observador

Ouvir Rádio
©2022 Observador
A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.
Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais
Adere à Fibra do MEO com a máxima velocidade desde 29.99/mês aqui.
Siga o tópico Star Wars e receba um alerta assim que um novo artigo é publicado.
Na nova série da Disney sobre o universo Star Wars, Moses Ingram representa Reva Sevander, a Terceira Irmã. Atriz afro-americana foi alvo de insultos racistas.
Exclusivo assinantes: Ofereça artigos aos seus amigos.
A série "Obi-Wan Kenobi" trouxe de volte não só Ewan McGregor como Hayden Christensen
WireImage
A série "Obi-Wan Kenobi" trouxe de volte não só Ewan McGregor como Hayden Christensen
WireImage
Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.
A atriz norte-americana Moses Ingram recebeu centenas de mensagens racistas por causa da sua participação na mais recente série da Disney: “Obi-Wan Kenobi”. Tanto a Disney, através da marca e estúdio “Star Wars”, como o ator Ewan McGregor já expressaram o apoio para com a atriz.
Na nova série, que estreou na sexta-feira, Moses Ingram representa Reva Sevander, a Terceira Irmã. Darth Vader encarrega a personagem de procurar Obi-Wan Kenobi.
Aquilo que me incomoda é este sentimento dentro de mim, de que ninguém me falou, mas este sentimento de que tenho de me calar e aguentar. Mas eu não sou assim”, afirmou a atriz esta terça-feira no Instagram, segundo o jornal The Guardian. “Por isso, quero agradecer às pessoas que me apoiaram nos comentários. E para os restantes, são todos esquisitos.”
Na madrugada desta quarta-feira, o ator principal da série — conhecido pelos fãs de Star Wars por ter dado vida a Obi-Wan Kenobi na trilogia que conta a história de Anakin Skywalker — defendeu Moses Ingram na rede social Twitter.
PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR
Moses é uma atriz brilhante, é uma mulher brilhante e absolutamente fantástica nesta série“, disse Ewan McGregor. “Ela deu tanto à série, e tanto ao franchise. Entristeceu-me bastante que isto lhe tenha acontecido.”
A personal message from Ewan McGregor. pic.twitter.com/rJSDmj663K
— Star Wars (@starwars) June 1, 2022

A reação de McGregor surgiu não aenas como ator, mas também enquanto produtor executivo da mais recente aposta da Disney no universo Star Wars: “nós [a Disney e o próprio] estamos com a Moses.”
Se lhe estás a mandar mensagens de bullying, então, na minha visão, não és um verdadeiro fã de Star Wars . Não há lugar para o racismo neste mundo” concluiu.
Também a marca Star Wars da Dinsey reagiu aos insultos racistas na sua conta oficial do Twitter.
Há mais de 20 espécies conscientes na galáxia de Star Wars, não escolhas ser racista“, escreveu a marca. “Estamos orgulhosos em receber a Moses Ingram na família Star Wars e excitados para que a história de Reva swe desenrole. Se alguém quiser fazê-la sentir-se excluída, só temos uma coisa a dizer: vamos resistir.”
We are proud to welcome Moses Ingram to the Star Wars family and excited for Reva’s story to unfold. If anyone intends to make her feel in any way unwelcome, we have only one thing to say: we resist. pic.twitter.com/lZW0yvseBk
— Star Wars (@starwars) May 31, 2022

A série Obi-Wan Kenobi trouxe de volta para o universo onde imperam jedis e sith, não só Ewan McGregor, como também Hayden Christensen no papel de Anakin Skywalker/ Darth Vader. A nova aposta da StarWars tornou-se na série original da Disney mais vista na estreia.
Cavaco responde a Costa e desafia-o a fazer melhor
A porteira do tribunal
“País está parado. Mas está toda a gente contente”
A vida e as polémicas de Lavrov, o “Ministro Nyet”
“Star Wars: Skeleton Crew”, a nova série da Disney
País de Gales recebe Millennium Falcon original
“O Livro de Boba Fett” dá nova vida a “Star Wars”
Clooney, tribunais, Capitólio e Boba Fett
Heard. Única vitória vale dois milhões de dólares
Amber Heard sem dinheiro para pagar a Depp
Fado Bicha: silêncio que se vai dançar para sempre
O veredicto do caso Depp vs. Heard ponto por ponto
Empresas com interesse em semana de quatro dias
Schröder vai “ignorar” processo de expulsão do SPD
Covid-19. Madeira considera “normal” mais casos
“Respostas alternativas” para jovens de Portalegre
Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.
A enviar artigo…
Ainda tem para partilhar este mês.
O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.
Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.
Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.
Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.
Por favor tente mais tarde.
Este artigo só pode ser lido por um utilizador registado com o mesmo endereço de email que recebeu esta oferta.
Para conseguir ler o artigo inicie sessão com o endereço de email correto.
Obrigado por assinar o jornalismo que faz a diferença.
Rua João Saraiva, nº 7
1700-248 Lisboa
© 2022
Disponível gratuitamente para iPhone, iPad, Apple Watch e Android

source

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.