Imposto de Renda 2022: veja como declarar seu carro ou moto – Motorshow

O contribuinte precisa inserir o veículo caso ele tenha vendido, comprado ou permanecido com o bem
O prazo para entregar a declaração do Imposto de Renda 2022 está terminando, ele encerra no dia 31 de maio.
Nela, entre outras informações, é necessário constar o veículo caso o contribuinte já tinha o carro ou moto em 2020 e também para quem vendeu, trocou ou comprou em 2021.
Adquiriu um veículo à vista em 2021
Para o contribuinte que comprou um veículo em 2021, ele deve ir até a seção “Bens e Direitos” do sistema do IR 2022.
Clicar em “Novo” dentro dessa seção e, na sequência, selecionar o item “2 – Bens Móveis”.
Em “Código”, selecionar a opção “1 – veículo automotor terrestre: caminhão, automóvel, moto, etc”.
Após preencher o campo localização com o código “105 – Brasil”, deve colocar o número do Renavam.
Em “Discriminação”, preencher com a marca, modelo, ano de fabricação e a placa. Também deve contar quem vendeu o bem e o seu CPF ou CNPJ.
No campo “Situação em 31/12/2020” colocar zero e em “Situação em 31/12/2021” inserir o valor pago pelo veículo.
+ Carro por assinatura vale a pena? Confira um guia completo com preços, vantagens e desvantagens
+ IPVA SP 2022: 4ª parcela vence para grupo nesta segunda-feira
+ CNH: aulas na autoescola podem deixar de ser obrigatórias; entenda
+ Nova CNH passa a valer em junho; tire suas dúvidas
+ CNH: maio é o último mês para grupo renovar habilitação vencida; veja
Vendeu um veículo em 2021
Para quem vendeu um veículo em 2021, deve colocar em “Discriminação” o nome da pessoa ou loja que comprou o bem, assim como o CPF ou CNPJ, a data da venda e o valor.
O campo “Situação em 31/12/2020” deve ser preenchido com o mesmo valor exibido na declaração do IR 2020 – aqui vale o preço que o contribuinte pagou no veículo, sem atualizar o valor.
Em “Situação em 31/12/2021” colocar valor zero, ou seja, não está mais com o bem.
Continuou com o mesmo veículo
Caso o cidadão não paga financiamento e não trocou de carro ou moto em 2021, basta repetir as informações inseridas no IR 2021.
Ao importar a declaração anterior, os dados do veículo aparecerão dentro da seção “Bens e Direitos”. Basta clicar em “editar” e repetir as informações.
Veículo financiado
O cidadão que está pagando um veículo financiado deve informar em “Discriminação” a quantidade e o valor das parcelas pagas em 2021.
Já no campo “Situação em 31/12/2021” será necessário somar o valor total das prestações pagas em 2020 com o valor exibido em “Situação em 31/12/2020” – ou seja, as parcelas pagas nos dois anos.
Adquiriu um carro financiado em 2021
O contribuinte que adquiriu um veículo financiado em 2021 precisa colocar, em “Discriminação”, o nome da instituição financeira e seu CNPJ, o número do contrato, o valor financiado e o número de prestações.
No mesmo campo ele deve colocar qual foi o valor de entrada e a quantidade de prestações pagas em 2021.
Em “Situação em 31/12/2020” inserir o valor zero.
MAIS NA MOTOR SHOW:
+ Comparativo de Carros Elétricos: Peugeot e-208 GT vs. Mini Cooper SE vs. Fiat 500e vs. Renault Zoe
+ Qual é a melhor versão do Jeep Compass 2022?
+ Harley-Davidson recebe dose de Jack Daniel’s em customização
+ Renault aumenta o preço do Kwid, que perde posto de mais barato
+ CNH: aulas na autoescola podem deixar de ser obrigatórias; entenda
+ Carro por assinatura vale a pena? Confira um guia completo com preços, vantagens e desvantagens
+ IPVA SP 2022: 4ª parcela começa a vencer nesta quarta; confira as datas
+ Teste rápido: Andamos no caminhão Mercedes-Benz Actros LS 2653 6×4
+ Comparativo: Jeep Commander vs. Caoa Chery Tiggo 8
+ Voltz lança triciclo elétrico voltado a entregas; conheça o Miles
Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.
Necessary cookies are absolutely essential for the website to function properly. This category only includes cookies that ensures basic functionalities and security features of the website. These cookies do not store any personal information.
Any cookies that may not be particularly necessary for the website to function and is used specifically to collect user personal data via analytics, ads, other embedded contents are termed as non-necessary cookies. It is mandatory to procure user consent prior to running these cookies on your website.

source

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.