Empresa de jogos adota "licença por menstruação". Mulheres preocupadas que seja mais um motivo de discriminação – SAPO

Executive Digest – notícias actualizadas ao minuto. Economia, política, sociedade, finanças e empresas
Devemos acabar com as bitcoins? Não! Mas devemos regulamentar rapidamente esta…
Para onde vamos?
O sistema democrático está a mudar
A GOG, uma empresa de jogos sediada na Polónia, anunciou numa publicação do LinkedIn que vai passar a oferecer um benefício raro no mundo, a “licença por menstruação”.
Este benefício, que permite que as mulheres tirem folga durante o período da menstruação, está a ser vista como uns como uma medida positiva, mas algumas mulheres estão preocupadas com a forma como serão vistas pelos seus colegas e líderes se aceitarem.
Depois da publicação, ainda houve comentários que demonstraram que o assunto é um tabu e que existe alguma desinformação. Houve quem até considerasse a política discriminatória: “Pergunto-me como é que isso pode ser considerado inclusivo, quando é exatamente o oposto disso”, comentou um engenheiro de software sênior da Unity.
Em declarações à ‘Axios’, Gabriela Siemienkowicz, gestora de cultura e comunicação da GOG, disse que a política é experimental no sentido em que planeamos avaliar de que maneira esses dias adicionais de folga afetam o bem-estar das nossas funcionárias menstruadas no final de 2022 e consideramos expandir a política no próximo ano”.
Como funciona então esta licença? As funcionárias da empresa podem tirar folga quando acharem necessário, “sempre que tiverem dores menstruais”, explica Siemienkowicz, e poderá ser uma folga remunerada apenas de horas e não de um dia inteiro.
Sobre o futuro, ainda há muito trabalho a fazer no que toca ao tabu da menstruação e a sua influência no local de trabalho.
“Só posso esperar que esta política sirva como um sinal de que a GOG é uma empresa inclusiva que respeita as necessidades individuais dos seus empregados e que todos se podem sentir seguros e apreciados aqui”, concluiu Siemienkowicz.

Deixe uma resposta

Cancelar resposta
Seu endereço de email não será publicado.

source

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.